Os resorts consagraram a Costa do Sauipe como um grande destino turístico nacional. Localizada a cerca de 75 km ao norte de Salvador, na Costa dos Coqueiros, a região é privilegiada por uma bela orla com mar de águas verdes e uma vastidão de dunas e coqueirais. São cinco opções de hospedagem, todos com diária all-inclusive, além de outras cinco pousadas temáticas — boa dica para quem está a fim de economizar. A novidade deste ano é que o antigo hotel Breezes passou a ser administrado pela Sauipe S.A. e, agora, se chama Sauipe Club.

Boas atividades é o que não faltam por aqui. Parasail, pesca oceânica, mergulho e canoagem são alguns passeios disputados para os que gostam de aventura, enquanto que observação de baleias e de tartarugas-marinhas estão disponíveis em certos períodos do ano. Atividades esportivas mais comuns são igualmente bem cobertas. Enquanto que o destaque é o campo de golfe de 18 buracos, os hóspedes também podem utilizar as 15 quadras de tênis (6 de saibro e 9 de piso asfáltico), 2 quadras de squash e 4 quadras poliesportivas.

O centro “social” da Costa do Sauipe é a Vila Nova da Praia, como lojinhas de suvenires, moda e artesanatos, restaurantes variados e bares. Aqui também ficam um banco e farmácia.

Para as famílias com crianças, o Sauipe Kids oferece boas opções de lazer para aqueles que têm a partir dos quatro anos de idade. Aqui elas terão à disposição uma piscina infantil, brinquedoteca, atividades ao ar-livre e monitores. Também disponível é o serviço de baby-sitter, sob reserva.

Na hora de relaxar, o Sauípe Spa traz hidromassagem, tratamentos terapêuticos, massagem, fitness center, salão de beleza e sauna.

COMO CHEGAR

A partir de Salvador, o acesso é feito pela BA-099 (Linha Verde), na altura do km 74.

Para quem chega de avião, o transfer pode ser arranjado diretamente com o seu hotel.

ONDE FICAR

O complexo de resorts mais antigo do país vem, desde 2010, investindo em melhorias. Não bastasse as reformas básicas de manutenção, a Sauipe S.A. – empresa que administra o conjunto — assumiu o antigo Breezes (hoje Sauipe Club) e inaugurou novos espaços destinados ao público infantil. Alguns detalhes, contudo, seguem iguais: a Vila Nova da Praia permanece repleta de lojinhas e casinhas cênicas, e a enorme estrutura de lazer (com quadras poliesportivas e centros náutico e equestre) continua disponível a todos os hóspedes. Piscinas e restaurantes são exclusivos de cada hotel, mas pagando uma taxa de day use você aproveita todas as atrações das demais hospedagens.

 

QUANDO IR

Na Costa do Sauipe as temperaturas são agradáveis em boa parte do ano (as mínimas médias nunca vão abaixo dos 20 graus, enquanto que janeiro e fevereiro têm temperaturas que passam com frequência dos 30 graus), com chuvas frequentes entre abril e julho. Ou seja, em termos climáticos, não há exatamente uma baixa temporada.

Para quem quiser ver baleias jubarte, a temporada vai de julho a outubro. Enquanto isso, as tartarugas-marinhas podem ser melhor conhecidas no Projeto Tamar, na vizinha Praia do Forte, distante 30 km. A época da eclosão dos ovos vai de novembro a maio. Ambas ficam no município de Mata de São João.

Gostou ? Então escolha um pacote clicando aqui!